Mestrado em Intervenção Social Escolar


Objectivos Gerais

  • Integrar criticamente o conhecimento científico aplicável na área da intervenção social escolar
  • Integrar modelos teóricos e estratégias de intervenção social, em geral, e de acção social escolar, em particular
  • Aplicar conhecimentos e desenvolver a capacidade de levantamento de necessidades e de compreensão e de resolução de problemas, em situações novas e complexas, de modo multidisciplinar, na área de intervenção social escolar
  • Desenvolver projectos criativos e experiências inovadoras no domínio da intervenção social escolar
  • Utilizar técnicas avançadas de planificação, desenho e implementação de programas e projectos comunitários, integrando a intervenção social escolar
  • Desenvolver competências ao nível de integração social escolar de crianças e jovens, valorizando a sua participação e cooperação no grupo, na família e na comunidade
  • Desenvolver uma atitude investigativa que permita identificar e equacionar possíveis soluções para problemas concretos de integração social e escolar, nomeadamente através da elaboração e concretização de projectos de investigação – acção em intervenção social
  • Desenvolver a capacidade de produzir, comunicar e divulgar conhecimentos e experiências inovadoras no âmbito da intervenção social escolar, de forma clara, a públicos dos mais variados estratos socioculturais

Plano Curricular

Saídas Profissionais

A integração e a coexistência na escola de grupos social e culturalmente heterogéneos, exigem profissionais com saberes e competências capazes de responder à diversidade da população escolar, com vista à construção de uma escola e de uma sociedade cada vez mais inclusiva. Assim, este 2º Ciclo de Estudos pretende assegurar a aquisição de uma especialização de natureza académica e/ou profissional em Intervenção Social Escolar e formar profissionais especializados em problemas sociais e escolares, capazes de identificar e mobilizar os recursos educacionais, familiares e comunitários que permitam prevenir e responder adequadamente às diferentes situações de risco em que se podem encontrar crianças e jovens.

A sua intervenção no âmbito do mercado de trabalho pode desenvolver-se em áreas como:

  • Escolas e Agrupamentos de Escolas
  • Conselhos Municipais de Educação
  • Autarquias
  • Serviços Socioeducativos de Instituições ou Organizações públicas e/ou privados
  • Mediação Social e Escolar
  • Associações de Desenvolvimento
  • Projetos de Intervenção Socioeducativos
  • Serviços/Organismos de Prevenção, Apoio e Inclusão de Crianças e Jovens em Risco
  • Comissões de Proteção de Crianças e Jovens em Risco
Grau
Mestrado
Nível EQF / ISCED
7 / 7
Código Escola / Curso
3052 / M215
Unidade orgânica
Escola Superior de Educação
Regime
Pós-Laboral
ECTS
90
Coordenador
Ernesto Martins