Descrição

    O projeto tem como principais objetivos estudar, comunicar e promover o património associado às comendas da Ordem de Cristo. Por outro lado, o projeto procurará promover a salvaguarda do património e a sua comunicação à sociedade de modo inteligível e aberto, procurando ter um papel de formação cívica e educativa, disponibilizando instrumentos informativos científicos que auxiliem os promotores turísticos, as autarquias ou centros decisores na valorização e divulgação turística da região.
    Pretende-se efetuar o estudo da bibliografia inerente à área e da respetiva documentação, desenvolver fichas descritivas dos edifícios e do património integrado, criar uma geografia do património histórico-artístico da Ordem de Cristo entre o Zêzere e o Tejo. Serão definidas rotas turísticas e promovidas através da criação de website multiplataforma, mapas, sistema de informação e orientação, infografias, vídeos e imagens animadas.
    A aplicação dos meios resultantes do projeto de investigação, assenta no envolvimento dos Municípios da Covilhã, Fundão, Penamacor, Idanha-a-Nova, Castelo Branco e Vila Velha de Ródão e do Geopark Naturtejo, bem como a participação da Diocese da Guarda e Diocese de Portalegre/ Castelo Branco e ainda o ARTIS – Faculdade de Letras da Un. Lisboa.

Parcerias

  • Instituto Politécnico de Castelo Branco (proponente)
  • Instituto Politécnico da Guarda
  • Instituto Politécnico de Tomar
  • Naturtejo – Empresa de Turismo EIM

Equipa do IPCB:

    João Neves; Daniel Raposo; Ricardo Silva; Maria Luísa Castilho

Financiado por:

    FCT/CENTRO2020