“Partilhar o conhecimento, globalizando a formação” é a frase que serve de mote ao programa de comemorações do quadragésimo aniversário do Instituto Politécnico de Castelo Branco (IPCB), o qual inclui uma série de atividades de âmbito geral, de caráter técnico-científico ou direcionadas para a comunidade, a realizar ao longo do ano.
Em novembro e dezembro de 2019 decorreram as primeiras iniciativas previstas, com duas atuações do Coro Autêntico da Escola Superior de Artes Aplicadas (ESART) no Natal Branco, em Castelo Branco, e a realização das primeiras Jornadas Profissionais do IPCB.
Em abril foi lançado o concurso “Um por todos. Todos pelo ambiente! Como podes ajudar a proteger o Ambiente?”, estando prevista a realização de uma ação ambiental de limpeza nas margens da ribeira do Enxarique, junto ao rio Tejo, em data ainda a definir, e uma ação de voluntariado em instituições de solidariedade social, a cargo dos alunos, funcionários e docentes do IPCB, a realizar de 14 e 18 de setembro.
A 30 de setembro, e feita a retrospetiva das quatro décadas de atividade na instituição, as escolas do IPCB acolhem um encontro técnico-científico com sessões e painéis temáticos nas áreas de conhecimento de cada unidade orgânica, decorrendo de 6 a 9 de outubro a Semana da Internacionalização.
Por fim, a 28 de outubro, dia do IPCB, a cerimónia alusiva ao 40.º aniversário da instituição remata o programa oficial, depois do concerto na véspera com a Orquestra Sinfónica da ESART, e do jantar comemorativo, agendado para 23 de outubro.


Concurso "Um por todos. Todos pelo Ambiente!"

Queremos que nos digas o que está mal e como achas que poderíamos melhorar a sociedade. Este concurso tem como objetivo perceber as preocupações dos jovens do 3º Ciclo e do Ensino Secundário sobre o impacto da sociedade no ambiente, assim como ouvir as suas propostas sobre como podemos nos tornar mais sustentáveis e amigos do planeta. Fala com os teus amigos e forma uma equipa, participa desta iniciativa e comprova que as tuas ideias são válidas e que podes contribuir para melhorar o nosso quotidiano e a sociedade em geral. Deves identificar problemas ambientais existentes e explorar formas criativas e inovadoras para lidar e minimizar os mesmos. Os participantes devem analisar e identificar situações existentes na sua escola, cidade ou região com um impacto negativo no ambiente, refletindo sobre formas de resolução das mesmas, apresentando propostas exequíveis e passíveis de serem aplicadas.

 
Forma uma equipa com um máximo de 4 participantes e inscreve-te. Um de vocês deve ser o chefe de equipa, que será interlocutor com a organização do concurso. Lembra-te que devem ser todos do mesmo nível de ensino e do mesmo agrupamento.
Os trabalhos serão avaliados por nível de ensino, como se fossem 2 concursos, e os prémios serão atribuídos da seguinte forma:
  • Para o 3º Ciclo do Ensino Básico, o Agrupamento ao qual a equipa pertence recebe 450€ e a Equipa Participante o valor de 150€;
  • Para o Ensino Secundário, o Agrupamento receberá o valor 450€ e a Equipa Participante de 150€.

O que deves fazer?

Deves enviar um vídeo de 5 minutos e um cartaz!
 
  • Os participantes deverão submeter um vídeo, em formato Mp4, com um máximo de 5 minutos, onde descrevam a identificação do problema e a solução proposta. O conteúdo deve ser claro e objetivo, registando e ilustrando o problema e o impacto ambiental identificado, assim como definindo a proposta de solução e um plano de implementação.
  • O vídeo deverá ser acompanhado com um cartaz, em formato A1 e de acordo com o modelo disponibilizado pela organização, para exposição no ato final de encerramento do concurso.

Consulta aqui o Regulamento do Concurso...
 
Para que não te esqueças de submeter a tua candidatura e ajudar a proteger o ambiente na tua escola ou zona de residência, deixamos-te aqui as datas mais importantes.

Marca na agenda!
Divulgação do concurso Até 24/04/2020
Submissão dos trabalhos Até 19/06/2020
Avaliação do júri Até 7/07/2020
Divulgação dos resultados Até 21/07/2020
Entrega dos prémios 28/10/2020
Será nomeado um júri que avaliará os trabalhos de acordo com os seguintes critérios:
  • Clareza e objetividade na exposição dos conteúdos;
  • Criatividade e inovação em todas as fases do trabalho, seja de identificação do problema ou da solução proposta;
  • Impacto ambiental expectável;
  • Exequibilidade da proposta;
  • Conteúdos gráficos e qualidade final do trabalho, seja do vídeo ou do cartaz submetido à avaliação.
O nosso símbolo é a pegada ecológica, sabes porquê?
  • A pegada ecológica representa os recursos ecológicos necessários para repor os recursos naturais que uma determinada população utiliza, assim como absorver os seus resíduos, nomeadamente a emissão de gases com efeito estufa.
  • Este conceito foi definido em 1990 por Mathis Wackernagel e William Rees da University of British Columbia, sendo atualmente utilizado por vários cientistas, instituições e empresas para monitorizar a utilização dos recursos ecológicos e para motivar o desenvolvimento sustentável*.
  • Este concurso engloba todas as áreas que podem causar impacto no meio ambiente, assim como todos os recursos que são afetados, sendo que cada equipa deve identificar aquela que maior impacto causa na sua dimensão escolhida (bairro, comunidade, região, etc.).
(*Fonte: https://www.footprintnetwork.org/our-work/ecological-footprint/)
O concurso é organizado pelo Instituto Politécnico de Castelo Branco (responsável pela dinamização da atividade e pelo seu desenvolvimento) em parceria com as Câmaras Municipais de Castelo Branco, Vila Velha de Ródão, Proença-a-Nova e Oleiros.

Todos os contatos e dúvidas referentes ao concurso devem ser remetidos para o seguinte endereço de email: aniversario@ipcb.pt

 

Jornadas Profissionais do IPCB: “Partilhar experiências e valorizar saberes”
 
As primeiras Jornadas Profissionais do IPCB realizaram-se no dia 6 de dezembro, no Auditório Comenius dos Serviços Centrais e da Presidência do IPCB. A iniciativa teve por objetivo a partilha de experiências, vivências e especificidades do trabalho diário dos colaboradores do IPCB, particularmente dos colaboradores de carreiras não docentes, nas suas mais variadas vertentes e valências.
Estas jornadas constituíram um momento privilegiado para troca de conhecimento e valorização de funções, em que os participantes apresentaram de forma descontraída as suas comunicações e percursos de vida!

Veja aqui o infoclip da iniciativa...


Concerto do Coro Autêntico da Escola Superior de Artes Aplicadas do IPCB

A atuação do Coro Autêntico da Escola Superior de Artes Aplicadas do IPCB marcou o início das atividades comemorativas do quadragésimo aniversário do IPCB. No âmbito da dimensão comunidade, o IPCB associou-se à Câmara Municipal de Castelo Branco na inauguração da iniciativa Natal Branco.
O primeiro de dois concertos teve lugar no dia 30 de novembro, no edifício do município albicastrense.
No dia 15 de dezembro teve lugar novo concerto, desta feita no “Mercado de Natal”, tendo o Coro da ESART presenteado a população albicastrense com a interpretação de diversos temas alusivos à quadra natalícia.
 

Partilhe